Mudar linguagem para Inglês
Mudar linguagem para Espanhol
Mudar linguagem para Português
Busca

Tamandua Pantanal - Daniel de Granville
Bugio (Alouatta caraya) -  Daniel de Granville
 Lobinho (Cerdocyon thous) - Christian Dalgas Frisch
Sobrevoo Rio-Negro - Daniel de Granville
Onça Pintada Rio Negro - Daniel de Granville
Carcara (Caracara plancus) - Challenging your dreams


Notícias

03/05/2017 - 11h25

Corumbá é selecionada pelo Ministério do Turismo e deve receber recursos para Banho de São João

 
 

A+

A-

Altera o tamanho da letra

 

O município de Corumbá (MS) foi um dos contemplados com recursos para ações de promoção, comunicação e apoio à comercialização de eventos juninos, do Ministério do Turismo.

A atração premiada foi o tradicional ‘Banho de São João`, evento junino que já se tornou Patrimônio Imaterial Cultural de Mato Grosso do Sul e está em tramitação processo no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) para tombá-lo também como Patrimônio Imaterial Cultural Nacional.

Além de Corumbá, foram contempladas Belo Horizonte, em Minas Gerais; Bragança, no Pará; Campina Grande, na Paraíba e São Luis, no Maranhão.

O edital do Ministério do Turismo recebeu propostas de 25 municípios, das quais 16 foram habilitadas e submetidas à análise da comissão julgadora formada por servidores do Ministério do Turismo e da Embratur. O objetivo inicial era contemplar todas as regiões brasileiras com a seleção de uma proposta de cada uma delas. Entretanto, como municípios da região sul não se candidataram, foi selecionado um de maior pontuação de outra região, conforme previsto no edital.

Entre as ações previstas para serem realizadas por meio do edital, estão, conforme o ministério: press trips (visitas de jornalistas e influenciadores digitais aos eventos), encontro de negócios, inclusão da festa no Calendário de Eventos Juninos, transmissão ao vivo nas redes sociais do MTur, divulgação dos destinos e cobertura jornalística dos festejos.

No dia 9 de maio, após analisar eventuais recursos interpostos pelos municípios não selecionados, o MTUR deve divulgar o resultado final do edital. A chamada pública previa a liberação de valores entre R$ 100 mil e R$ 200 mil para cada projeto aprovado e habilitado pela comissão julgadora, além de contrapartida do município que apresentou a proposta.

A reprodução integral ou parcial de textos e fotos deste portal somente é permitida com créditos para o autor e link para a página de onde foi transcrito. É expressamente proibida a reprodução total ou parcial das fotos das galerias sem a autorização prévia dos fotógrafos, os quais estão devidamente creditados nos nomes das galeriasCaso você seja autor de alguma imagem ou texto publicados neste site e deseja remoção ou correção, clique aqui para preencher o formulário de solicitação.


Receba nossa NewsLetter
Name:
E-mail:
Código de segurança:
->